Início » Blog » Corpus Christi: entenda o significado e a importância da data

Corpus Christi: entenda o significado e a importância da data

By 19 de junho de 2019 Blog No Comments

O feriado de Corpus Christi está chegando e é claro que nós aqui da Herreira não vamos deixar a data passar em branco. Estamos aqui para responder uma pergunta recorrente todos os anos: o que é o Corpus Christi?

O Corpus Christi é uma festa móvel católica que celebra o milagre da transubstanciação. Para o catolicismo, Cristo se transforma no pão (a hóstia), que se torna seu corpo. Enquanto que o vinho se converte em seu sangue. A festa era uma das mais pomposas procissões católicas em Portugal e foi trazida para o Brasil pelos colonizadores.

A comemoração é uma das mais antigas do catolicismo em todo o mundo. Foi instituída pelo papa Urbano 4°, em 1264, para ser celebrada na quinta-feira após o domingo da Santíssima Trindade. No domingo seguinte ao de Pentecostes. Segundo a tradição, o papa recebeu o segredo das visões da freira Juliana de Mont Cornillon.

Como nasceu a comemoração de Corpus Christi?

Juliana nasceu em Retines perto de Liège, Bélgica em 1192. Ficou órfã muito pequena e foi educada pelas freiras agostinas em Mont Cornillon. Aos 17 anos começou a ter visões, que retratavam uma lua cheia com uma mancha escura. A Igreja interpretou a mensagem como sendo a ausência de uma festa para a eucaristia no calendário litúrgico. Eucaristia é justamente o sacramento católico que, através das palavras do padre, promove a transubstanciação.

Em 1230, Juliana confidenciou esse segredo ao arcediago de Liège, que 31 anos depois se tornaria o Papa Urbano 4°. A confirmação da intenção da festa veio com um milagre que teria acontecido em Bolsena, na Itália. Um sacerdote que celebrava a missa teve dúvidas sobre a veracidade da transubstanciação. O que se conta é que após esse momento de blasfêmia, teria escorrido sangue da hóstia no momento que o sacerdote a partiu. Hoje, uma mancha de sangue no altar da mesma igreja é atribuída a esse momento.

Porque nesta data?

Mas por que, todo ano, em alguma quinta-feira de junho, ganhamos uns dias de folga? Bom, se você não é muito religioso, fique calmo que vamos te explicar porque ele é celebrado nessa época desde 1264.

A comemoração acontece exatamente 60 dias após a Páscoa, mas o feriado se dá sempre em uma quinta-feira – a Última Ceia. A última ceia de Jesus com seus discípulos antes de morrer, teria acontecido nesse dia da semana. Segundo a Bíblia, foi nessa ocasião que Cristo disse que o pão simboliza seu corpo e o vinho, seu sangue. Por isso, esses dois ingredientes representam as cerimônias de Corpus Christi.

O que determina em qual quinta do mês acontecerá o feriado é outra data do calendário cristão: o Domingo da Santíssima Trindade. A quinta seguinte a esse domingo será o Corpus Christi. O tal Domingo da Santíssima Trindade é sempre o domingo seguinte ao Pentecostes. Este, ocorre 50 dias após o domingo de Páscoa.

Embora a escolha do dia da semana tenha um significado simbólico, associado à Santa Ceia. O fato desta quinta-feira vir após o Domingo da Santíssima Trindade parece ter sido determinado arbitrariamente. Dê só uma olhada no documento do papa Urbano IV, em que ele institui a data.

Tradição no país

No Brasil, assim como em outros países majoritariamente católicos, o Corpus Christi é um feriado nacional. O costume de celebrar a data veio com a chegada dos portugueses, no século 16. A festa não só é comemorada, como se tornou uma tradição em diversas cidades de todo o país, como em: Ouro Preto (MG), Paraty (RJ) e Pirenópolis (GO). O ritual envolve enfeitar as ruas com tapetes feitos de serragem tingida, palha, areia e outros materiais.

Geralmente as ruas são enfeitadas com representações de cenas bíblicas e objetos devocionais, para enfeitar as ruas por onde a procissão passa.

Além de enfeitar as ruas, algumas pessoas gostam de também carregar alguns desses objetos consigo, como é o caso dos escapulários. Os colares servem como um símbolo da fé em Deus. E é claro que peças tão especiais e significativas não iriam passar em branco pela Herreira.

Então se você procura por um novo escapulário ou uma peça religiosa, para si ou para presentear alguém, não deixe de conferir o nosso e-commerce!

Compartilhamentos

Deixe um comentário

Compartilhamentos